Edu Gelmi questiona falta de planejamento dos recursos hídricos na revisão do Plano Diretor de Vinhedo – Câmara Municipal de Vinhedo
Câmara Municipal de Vinhedo

Edu Gelmi questiona falta de planejamento dos recursos hídricos na revisão do Plano Diretor de Vinhedo

Presidente da Câmara demonstra inconsistência na projeção do número de habitantes e a falta de investimento na captação e tratamento de água

EG

O presidente Edu Gelmi (MDB) demonstrou, em seu discurso pela 102ª Sessão Ordinária, inconsistências no relatório produzido pelo Executivo Municipal para a revisão do Plano Diretor de Vinhedo. Conforme discurso do parlamentar, o número de habitantes projetado para a cidade é inferior à realidade e, ainda, falta planejamento para recursos hídricos no documento.

“As pessoas precisam ter moradia; precisam ter o direito de fazer investimentos; de trazer empresas para a cidade. Mas estão se esquecendo do mais importante: vai ter água para abastecer a todos? Do jeito que está, não”, alertou Edu Gelmi

Segundo o vereador, a falta de água será sentida pela comunidade já em breve. “Entramos no inverno, época de estiagem, e vai faltar água em Vinhedo – e vai faltar muita água na Capela, porque o que se produz no bairro não é suficiente para abastecer a população daquela região”, comentou o presidente do Legislativo.

Em seu discurso, Edu Gelmi explicou que o abastecimento na região da Capela é auxiliado por remanejamento da produção na ETA 1, mas durante períodos de estiagem não há água suficiente para realizar este procedimento.

“É claro que sou a favor do progresso, mas não podemos aprovar uma revisão de Plano Diretor sem um mínimo de planejamento hídrico”, explicou o vereador Edu Gelmi. O parlamentar demonstrou que, conforme números apresentados pelo Executivo, Vinhedo tem hoje pouco mais de quatro mil lotes ociosos – o que representa, segundo o presidente da Casa de Leis, cerca de 16 mil novos habitantes quando estes espaços forem ocupados.

De forma objetiva, o presidente Edu Gelmi alertou para a realidade dos números de Vinhedo: “olhem bem! O Plano Diretor foi editado em março e previa para 2019 uma população de 77 mil habitantes, mas alguém tem dúvidas de que já temos mais de 80 mil habitantes em Vinhedo? E se computarmos mais essas 16 mil pessoas que virão destes lotes já existentes e que estão ociosos, passaremos para quase 100 mil habitantes. E o Plano Diretor fala em 102 mil pessoas somente em 2026. Alguma coisa está errada”.

Com a experiência de quem já foi superintendente da Sanebavi, Edu Gelmi explicou que, em média, o munícipe consome 200 litros de água por dia em Vinhedo e completou com a informação de que a proposta do Executivo é que o cidadão reduza em dez por centro o consumo. “Só se cortar a água, se houver contingenciamento, mas fazendo dessa forma quem tem uma caixa d´água grande vai manter o consumo”, explicou.

“São números! Como é que a gente aprova o crescimento da cidade sem o mínimo de planejamento hídrico?”, questiona Edu Gelmi. Segundo o presidente, no planejamento apresentado pelo Executivo para a revisão do Plano Diretor não há informações sobre a produção de água. “O Executivo não fala de onde vai vir a água. Fala em fazer barragem, represa, mas para isso precisa ter a nascente para encher a represa. Não se fala em reversão de bacia, não se fala em investimento algum para água…”, lamentou Edu Gelmi.

O vereador foi firme ao considerar o risco da votação de um Plano Diretor prevendo crescimento de moradias sem ter água: “já imaginou a responsabilidade de aprovar o crescimento da cidade sem ter água? A água vai vir de onde? Vinhedo é uma das cidades que menos chove no estado de São Paulo”, destacou Edu Gelmi.

O presidente da Câmara finalizou seu pronunciamento solicitando que o assunto seja tratado com a devida responsabilidade. “Vamos revisar o Plano Diretor, autorizar o crescimento, discutir mobilidade, moradia, mas se não tiver água como é que vamos aprovar novos empreendimentos no município?”, finalizou Edu Gelmi.


Fonte: Gabinete da Presidência | Vereador Edu Gelmi (MDB)

Últimas Notícias

Edu Gelmi comenta destinação de recursos das emendas impositivas para aplicação em Saúdeleia mais

Vereadora Flávia Bitar presta contas de promessas de campanhaleia mais

Carlos Florentino registra Moção de Apoio à PEC “Paralela da Previdência” em apoio aos servidores de Guarda Municipalleia mais

Edu Gelmi parabeniza mães e alunos das Oficinas Culturas pela conquista do espaço no Parque Municipal para as apresentaçõesleia mais

Secretário de Saúde presta contas sobre aplicação de recursos da emenda impositiva nº 03leia mais

Av. Dois de Abril, 78 - Centro -
Vinhedo/SP - CEP 13280-077


(19) 3826-7700


imprensa@camaravinhedo.sp.gov.br

Input Center Tecnologia