Câmara Municipal de Vinhedo

Vereadores Marcos Ferraz e Rui “Macaxeira” conhecem detalhes do serviço de transporte público na cidade de Valinhos

Pontualidade, integração de linhas e qualidade dos veículos são principais diferenciais no serviço oferecido pela cidade vizinha

Em cumprimento à agenda de trabalhos da Comissão de Assuntos Relevantes do Transporte Público, os vereadores Marcos Ferraz (PSD), presidente da comissão, e Rui “Macaxeira” se reuniram com o secretário de Mobilidade Urbana da cidade de Valinhos, Mauro Haddad Andrino, para conhecer detalhes sobre o serviço de transporte público coletivo oferecido pelo município vizinho.

Assim como acontece em Vinhedo hoje, no passado o serviço de transporte público em Valinhos também era prestado pela Rápido Luxo, que não teve seu contrato renovado e foi substituída por outra empresa concessionária em janeiro de 2016. Desde então o serviço oferecido em Valinhos passou por diversas mudanças, tendo sido eleita em pesquisa recente a 1ª cidade do Estado de São Paulo em qualidade de transporte.

O preço das passagens cobrado nas duas cidades é semelhante, R$4,30 em Vinhedo e R$4,20 em Valinhos, porém além da superioridade populacional e territorial de Valinhos, o serviço oferecido difere muito.

A frota disponibilizada à população valinhense é nova, todos os veículos adaptados para acessibilidade, com GPS para controle e fiscalização dos trajetos e pontualidade do atendimento, e carregadores para celular. Se não bastasse, já agora no mês de julho serão substituídos 90% dos veículos da frota por modelos mais modernos com ar-condicionado e wi-fi.

Para evitar superlotações, são disponibilizados veículos adicionais nos horários de pico. A manutenção de veículos excedentes, inclusive, foi fundamental para a não paralisação do serviço durante a greve dos caminhoneiros. Durante o período a frota dos horários de pico foi mantida, enquanto nos horários de entre picos foi utilizada a frota de sábado, que conta com menos veículos.

Outro ponto muito cobrado pela população vinhedense, a integração entre linhas, também é oferecido em Valinhos. Na cidade vizinha as integrações podem ser feitas na rodoviária, ou seja, o usuário oriundo de qualquer linha municipal pode desembarcar na rodoviária e de lá ingressar em outra linha; ou fora da rodoviária, a chamada integração temporal, na qual o passageiro ao desembarcar de qualquer linha municipal tem até 90 minutos para pegar a mesma ou outra linha, contanto que não seja para voltar ao destino de origem. O sistema inteligente da catraca dos veículos e do cartão de passagem confere o tempo que o passageiro ficou fora do ônibus e se o destino no novo embarque é permitido.

Pela rodoviária ainda é permitida a integração com os ônibus da EMTU para Campinas. O retorno não é permitido já que o controle é feito pela empresa concessionária da EMTU, a Rápido Luxo.

A construção e manutenção dos abrigos dos pontos de ônibus não são de responsabilidade da empresa concessionária. Em Valinhos a própria Prefeitura instala e mantém os abrigos por meio de convênios com a Agemcamp e com o governo federal, e por meio de parcerias com a iniciativa privada. Os novos modelos de abrigo, que serão padrão em toda cidade, são confeccionados em aço inox e contam com bancos, lixeiras, vidro corta vento nas costas e cobertura para proteger das chuvas e também do sol.

A obrigatoriedade de instalar abrigos de pontos de ônibus também consta na análise de empreendimentos feita pela Prefeitura. Ao autorizar a construção de novo empreendimento na cidade, a municipalidade exige, além da construção de calçadas e outras obrigações convencionais, a instalação de novo abrigo padrão, caso já não haja na área em que a autorização foi concedida.

 

Formação da tarifa

Para definir os reajustes tarifários a Prefeitura de Valinhos, que não paga subsídio à empresa concessionária, utiliza uma fórmula paramétrica e outra com base na planilha GEIPOT, ambas previstas no contrato.

A fórmula paramétrica não gera aumento real da tarifa, mas apenas garante o ajuste anual do valor de acordo com os índices inflacionários.

O aumento real da tarifa é realizado apenas a cada três anos, com base na planilha GEIPOT, a mesma utilizada para formação da tarifa em Vinhedo, porém o método será substituído pela planilha da Associação Nacional de Transportes Públicos (ANTP).

Além dos ajustes anuais e trianuais, o contrato prevê ajustes extraordinários no caso da necessidade de implantação de algum serviço adicional no contrato que geraria maiores custos.

A importância da fiscalização

Um dos principais pontos destacados pelo secretário Mauro Haddad Andrino foi a importância da fiscalização, por parte da Prefeitura, para que a empresa concessionária cumpra o contrato à risca.

De imediato Mauro Haddad afirmou ser essencial que a secretaria responsável pela fiscalização se dedica exclusivamente ao transporte e trânsito. “Não dá para juntar em uma única secretaria transporte e segurança, por exemplo, o que é muito comum em várias cidades. Já comandei secretarias mistas em outras cidades e infelizmente a fiscalização sobre o trânsito fica a desejar, devido ao conflito de atribuições. A fiscalização por parte da Prefeitura é fundamental para que o serviço de transporte seja bem executado”.

A Secretaria de Mobilidade Urbana de Valinhos conta com quatro fiscais de transporte público, todos técnicos da área, responsáveis por fiscalizar o funcionamento e o cumprimento dos contratos de transporte coletivo, transporte escolar e táxi e similares.

“A disponibilização de GPS em todos os veículos facilita bastante a nossa fiscalização, já que por eles sabemos se as rotas estão sendo respeitadas assim como a pontualidade no atendimento, mas, além disso, é de extrema importância a disponibilização de profissionais técnicos para acompanhar cada detalhe do serviço de transporte coletivo”, explicou.

Mauro Haddad Andrino é arquiteto urbanista de formação, mas há mais de 20 anos trabalha com trânsito e transporte, já tendo sido secretário do setor em Valinhos em outra oportunidade e em Mogi Mirim. Foi superintendente regional do Detran e já teve passagem pelo Denatram e pela Secretaria de Transportes de Ribeirão Preto.

 

Próximos passos da Comissão

A comissão receberá do secretário Mauro Haddad o modelo do contrato de concessão do serviço de transporte coletivo das cidades de Valinhos e de Indaiatuba, que são atendidas pela mesma empresa, para que sirva como base e sugestão para o desenvolvimento da nova licitação para contratação do serviço em Vinhedo.

Com os documentos em mãos e as propostas já pré-definidas, a Comissão irá realizar uma audiência pública na Câmara, com presença da Secretaria de Transportes, Rápido Luxo e convidados ligados ao tema, para expor os dados levantados pela equipe, seu relatório final e promover o debate sobre as principais necessidades vinhedenses que devem ser atendidas no próximo contrato de prestação de serviço de transporte público coletivo.

“Hoje pudemos comprovar que é possível melhorar de forma significativa o transporte público em nossa cidade sem aumentar as tarifas ou mesmo necessitar de subsídios da Prefeitura. Infelizmente a Prefeitura de Vinhedo não conta com uma estrutura técnica na secretaria para realizar a adequada fiscalização do serviço de transporte, e nem mesmo o contrato vigente permite muitas melhorias ou a punição da empresa responsável em casos de descumprimento do contrato. Essa situação precisa ser mudada no próximo contrato”, enfatizaram Marcos Ferraz e Rui “Macaxeira”.

 


Fonte: Gabinetes dos vereadores Marcos Ferraz (PSD) e Rui “Macaxeira” (PSB)

Últimas Notícias

Presidente Nil Ramos parabeniza organização do Encontro Paulista de Autos Antigosleia mais

Nil Ramos destaca importância da atividade parlamentar na conquista de adesão da Santa Casa ao ProSUSleia mais

Geraldinho Cangussú indica pintura de novas faixas de pedestres e readequações de rampas de acessibilidadeleia mais

Presidente Nil Ramos recebe convite do Rotary Club de Vinhedo para evento de posse do Conselho Diretorleia mais

Rodrigo Paixão explica pedidos de cassação que tramitam na Câmaraleia mais

Av. Dois de Abril, 78 - Centro -
Vinhedo/SP - CEP 13280-077


(19) 3826-7700


imprensa@camaravinhedo.sp.gov.br

Input Center Tecnologia